Segunda-feira, 22 de Abril, 2019

  

Novo director da Folha de S. Paulo

Breves

Mudou o Director da Folha de São Paulo. O novo titular, Sérgio Dávila, reafirmou a linha editorial independente do jornal, assegurando a continuidade do projecto Folha, criado por Otavio Frias Filho. Numa entrevista recente, afirmou que a linha editorial continuará “blindada contra pressões do governo ou de ordem económica”, enfatizando que a Folha “ é um dos poucos veículos que não tem dividas e isso precisa de continuar, justamente para a preservação da linha editorial criada pelo Otavio. O risco de contaminação do editorial pelo económico é zero. Enquanto a empresa for independente financeiramente o projecto Folha segue firme”

Polémica Directiva dos Direitos de Autor aprovada em Estrasburgo

Mundo Galeria

O Parlamento Europeu aprovou, por 348 votos a favor, sendo 274 contrários, a polémica Directiva sobre Direitos de Autor no Mercado Único Digital. Os artigos mais disputados nos últimos meses, o 11º (que é agora o 15º) e o 13º (que ficou 17º), passaram, com retoques no texto, mas a polémica persiste, assim como são, também, basicamente os mesmos os seus protagonistas principais.

“A favor desta nova lei estão entidades como a Comissão Europeia, pela voz do vice-presidente e comissário Andrus Ansip, o eurodeputado popular alemão Axel Voss, milhares de artistas ou o Ministério da Cultura português, que representou a posição de Portugal no texto final.”

Segundo o Observador, que aqui citamos, a Google, o Facebook, a Wikipedia, a eurodeputada alemã Julia Reda e “dezenas de milhares de pessoas que saíram às ruas nos últimos dias” são as vozes da contestação. Trata-se, finalmente, do “fim da liberdade de expressão na Internet, na União Europeia, ou a regulação necessária para a compensação justa de artistas e jornalistas?”

Visita de nostalgia à antiga sede de um jornal desalojado

Media Galeria

Até 2010, a sede do diário norte-americano Portland Press-Herald, com a sua redacção, tipografia e impressora, funcionou no Gannett Building, um edifício de tijolo e pedra construído em 1923. À semelhança de muitos outros jornais locais, situava-se na que podíamos chamar a “Baixa” de Portland, no centro cívico da cidade, perto dos quartéis da polícia e dos bombeiros.

Quem lá for agora vai encontrar máquinas de escrever antigas, com resmas de papel ao lado, onde os clientes podem escrever cartas, ou o que quiserem. Mas o jornal já não mora ali. Em 2010, o edifício foi vendido e remodelado para se tornar The Press Hotel.

A informação é de Willy Blackmore, com o título sugestivo de  - “Na campa da antiga sede de um jornal local, ergue-se um hotel”.

As "100 Fotos" num álbum diferente de repórter francesa

Media Galeria

Véronique de Viguerie, fotojornalista francesa que se especializou em reportagem de guerra, é a autora dos trabalhos da 60ª edição das “100 Fotos pela Liberdade de Imprensa”, dos Repórteres sem Fronteiras. Começou a carreira onde muitos desejariam nunca ir: no Afeganistão, em 2003, onde escapa por pouco de um atentado suicida. Três anos depois recebia o Prémio Canon destinado à mulher fotojornalista, em Perpignan, por um trabalho sobre os talibãs.

Daí para a frente, encontramos entre as suas imagens as meninas da Nigéria, raptadas pelo movimento terrorista Boko Haram; combatentes curdos contra o Estado Islâmico, no Iraque; as vítimas da guerra contra as drogas, nas Filipinas; os “escravos” modernos da indústria, na China; os imigrantes acantonados na “selva” de Calais; e o Iémen, “a guerra que nos escondem”.

“Apple News+” aposta num pacote digital de revistas

Media Galeria

Foi lançado como primeira novidade, numa longa sessão no Anfiteatro Steve Jobs, a Apple News+, o serviço de assinatura de notícias criado pela empresa já há três anos, mas que inclui, agora, o acesso a 300 revistas e jornais. Segundo Tim Cook, que procedeu à apresentação, trata-se de “priorizar a reputação e o conteúdo”, em relação aos clicks que gera:

“Adoro estar nos quiosques, rodeado por revistas, mas saio de lá e só posso levar uma ou duas. E se pudéssemos levar todas as que queríamos? É exactamente isso que vamos fazer”  - anunciou.

Vão estar disponíveis as referidas três centenas de revistas, cobrindo “uma variedade de temas, da saúde ao automobilismo”, sendo o Apple News+, segundo Roger Rosner, Vice-Presidente de Apps, "o único local onde é possível encontrar todas as revistas num único sítio".

A plataforma “Medium” está a tornar-se um jornal digital

Media Galeria

A plataforma digital Medium, que nasceu em 2012 como um desenvolvimento do Twitter  - aliás por iniciativa de dois dos seus fundadores -  evoluíu e deixou de ser uma espécie de híbrido entre o Twitter e o Blogger, tornando-se um meio de comunicação. “Não é um meio como o entendemos, mas sim um meio contributivo, que pertence a todos e a ninguém. Continua a ser, na essência, um híbrido, mas é capaz de agregar, no mesmo sítio, textos de pessoas completamente desconhecidas com reportagens sérias das marcas mais prestigiadas.”

Curiosamente, tende a destacar estas últimas, talvez porque funciona sob um modelo de “seguidores” e de likes. Um algoritmo e a própria comunidade de leitores “tratam de dar relevo aos melhores conteúdos, condenando os de fraca qualidade a um ostracismo digital que os deixa cair pelo seu próprio peso”.

A informação é do jornalista Miguel Ossorio Vega, em Media-tics.

Risco de nova “ordem mundial de Informação” sob modelo chinês

Media Galeria

No contexto da visita do Presidente Xi Jinping a vários países europeus, para promover as “novas rotas da seda” das ambições económicas e geo-estratégicas da China, importa prestar também atenção à “nova ordem mundial da Informação” contida no projecto geral. Segundo um relatório muito recente dos Repórteres sem Fronteiras, o governo chinês, seguro do controlo que já exerce sobre os media nacionais e a Internet no seu próprio espaço, deseja impor um vocabulário “ideologicamente correcto” também fora de fronteiras.

E procura consegui-lo por uma panóplia de meios, que vão desde a sedução dos media ou jornalistas estrangeiros até várias formas de pressão ou mesmo intimidação.

“Há dez anos punha-se a questão de melhorar a situação na China. Mas, enquanto ONG de defesa da liberdade de Imprensa e dos jornalistas, encontramos cada vez mais dificuldades em ter impacto no país. A questão que se coloca hoje é: de que modo podem as democracias defender-se da influência mediática chinesa?”  - diz Cédric Alviani, presentante dos RSF para a Ásia Oriental.

Google financia projectos digitais em jornais portugueses

Media Galeria

Seis projectos de desenvolvimento de jornalismo digital foram aceites, em Portugal, como destinatários da última ronda de financiamento da Digital News Initiative da Google, que lhes atribui um total de 546 mil euros.

As maiores verbas contemplam dois projectos considerados de média dimensão: 200 mil euros para o Easy2B, do jornal Região de Leiria, descrito como “uma plataforma digital de monetização inteligente e de fácil utilização que combina os interesses dos publisher de media locais e os pequenos negócios locais”;  e perto de 147 mil euros para o Fórum Público, uma plataforma de debate que "inclui conversação online em tempo real entre utilizadores e jornalistas".
« ... 4  5  6  7  8  9  10  11  12  ... »
  
PESQUISA AVANÇADA
PESQUISAR POR DATA
PESQUISAR POR CATEGORIA
PESQUISAR POR PALAVRA-CHAVE

O Clube


Lançado em Novembro de 2015, este site tem vindo a conquistar uma audiência crescente, traduzida no número de visitantes e de sessões e do tempo médio despendido. É reconfortante e  encorajador, para um projecto concebido para ser um espaço de informação e de reflexão sobre os problemas que se colocam, de uma forma cada vez mais aguda, ao jornalismo e aos  media.

Observa-se , aliás, ressalvadas as excepções , que a problemática dos media , desde a precariedade  dos seus quadros às incertezas do futuro -  quer no plano tecnológico  quer no editorial - , raramente  constitui  tema de debate  nas páginas dos jornais, e menos ainda nas  suas versões  online ou nos audiovisuais. É um assunto quase tabú.


ver mais >
Opinião
Assange e o jornalismo
Francisco Sarsfield Cabral
O caso Assange dura há quase sete anos. Agora, com a sua expulsão da embaixada do Equador em Londres e consequente prisão pela polícia britânica, o caso entrou numa nova fase. É possível que Assange venha a ser extraditado para os Estados Unidos (o que ele não quer) ou para a Suécia (o que ele agora prefere, embora tenha recusado essa possibilidade há sete anos).  Também se fala muito da mudança do poder...
Muitos responsáveis pela comunicação e marketing de várias marcas defrontam-se quotidianamente com um dilema: será que ainda vale a pena fazer publicidade em televisão? O investimento ainda compensa? A dúvida é legítima – mas antes de mais nada é preciso definir bem o objectivo e o alvo da campanha. Uma coisa é anunciar para jovens urbanos até aos 25 anos, outra é para responsáveis de compras...
A realidade choca. Um trabalho de investigação jornalística, publicado no Expresso,  apurou que Portugal tem 95 políticos a comentar nos media. É algo absolutamente inédito em qualquer parte do mundo, da Europa aos EUA. Nalguma coisa teríamos de ser inovadores, infelizmente, da pior maneira. É um “assalto”, que condiciona a opinião pública e constitui um simulacro de pluralismo, já que  o elenco...
Augusto Cid, uma obra quase monumental
António Gomes de Almeida
Com o falecimento de Augusto Cid, desaparece um dos mais conhecidos desenhadores de Humor portugueses, com uma obra que pode considerar-se quase monumental. Desenhou milhares de cartoons, fez livros, e até teve a suprema honra de ver parte da sua obra apreendida – depois do 25 de Abril (!) – e tornou-se conhecido, entre outras, por estas duas razões: pelas piadas sibilinas lançadas contra o general Ramalho Eanes, e por fazer parte do combativo grupo das...
Jornalismo a meia-haste
Graça Franco
Atropelados pela ditadura do entretenimento, podemos enquanto “informadores” desde já colocar a bandeira a meia-haste. O jornalismo não está a morrer. Está a cometer suicídio em direto. Temi que algum jornalista se oferecesse para partilhar a cadeia com Armando Vara, só para ver como este se sentia “já lá dentro”. A porta ia-se fechando, em câmara lenta, e o enxame de microfones não largava a presa. O...